sábado, 16 de fevereiro de 2019

Homem é alvejado a bala no bairro Moreira, em Acopiara e tomba sem vida

No dia 15/02/2019 (sexta-feira), por volta das 19h30min, a Polícia Militar foi informada através do telefone de emergência 190, acerca de um homicídio ocorrido na Rua Senhor do Bonfim, Bairro Moreiras de Baixo, Acopiara – CE. Rapidamente, a VTR 10461 se deslocou ao local, constatando a veracidade da informação.
De acordo com informações colhidas pela composição, dois indivíduos em uma motocicleta não caraterizada, aproximaram-se da vítima identificada como ALISSON OLIVEIRA FREITAS, 20 anos; e efetuaram aproximadamente 05 (cinco) disparos contra a vítima. Foram encontradas 05 (cinco) cápsulas deflagradas de calibre .40 no local. Saliente-se que a vítima não possuía antecedentes criminais. A Perícia Forense compareceu ao local para adoção das medidas cabíveis. O policiamento realiza diligências no intuito de identificar os autores do delito. 10 BPM.

ACIDENTE DE TRÂNSITO – COLISÃO EM ACOPIARA-CE


No dia 15/02/2019, por volta das 19h20min, a Polícia Militar foi informada através do telefone de emergência 190, sobre um acidente de trânsito (colisão) ocorrido na Rua Luiz Gonzaga de Mendonça, Bairro Centro, Acopiara – CE. Imediatamente, a VTR 10331 desloucou-se ao local mencionado e constatou a autenticidade da informação. Ao chegar ao local, às vítimas já haviam sido socorridas por uma ambulância ao Hospital de Acopiara, com suspeitas de traumatismo craniano. Posteriormente as duas vítimas foram identificadas como: LUANA DANTAS GASPAR, 26 anos; que conduzia uma motocicleta não caracterizada e LUCAS FERREIRA BEZERRA, 34 anos; que seguia em sentido contrário, em uma motocicleta também não caracterizada, havendo a colisão frontal. Vale salientar que as motocicletas foram retiradas do local por populares antes da chegada do policiamento. 10 BPM.

sábado, 7 de janeiro de 2017

NOVO MASSACRE Após ameaças do PCC nas redes sociais, nova matança é registrada em presídio. Desta vez, aconteceu em Roraima



Na madrugada desta sexta-feira, 33 detentos foram brutalmente assassinados, a maioria decapitada e o coração arrancado





No fim de semana passado, 60 presos do PCC foram assassinados em Manaus pela FDN

Depois da morte de 60 presos integrantes da facção criminosa PCC, em Manaus, no último fim de semana, e da postagem recente nas redes sociais de ameaças de retaliação ao massacre, na madrugada desta sexta-feira (6), 33 detentos foram executados em Roraima. Seria o começo da vingança do PCC ao grupo rival, Família do Norte (FDN).

A matança ocorreu durante a madrugada na Penitenciária Agrícola de Boa Vista (PAMC). A maioria das vítimas foi decapitada ou teve o coração arrancado. Os corpos foram jogados em um corredor que dá acesso às alas.

De acordo com informações do governo, os detentos quebraram os cadeados e invadiram a Ala 5, a cozinha e o cadeião, onde estavam os presos de menor periculosidade. Agentes penitenciários afirmam que não houve fugas.

Policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e agentes penitenciários do Grupo de Intervenção Tática (GIT) entraram na unidade pela manhã e, na sequência, equipes do Instituto Médico Legal (IML) iniciaram a remoção dos corpos. A penitenciária abriga cerca de 1,2 mil presos - o dobro da capacidade.

O secretário de Justiça e Cidadania de Roraima, Uziel de Castro Júnior, disse acreditar que os crimes tenham sido cometidos por membros do PCC. “Não existem facções de outras organizações criminosas no local (além do PCC)”, afirmou Castro Júnior. Ele também afirmou que o Estado tem um projeto para abrir mais de mil vagas neste ano no sistema prisional.

Carta de ameaça

Nas redes sociais, o PCC informou que a matança de seus 60 membros em Manauz será vingada e que a organização criminosa iria eliminar também de forma cruel os integrantes da facção Família do Norte, responsável pelo massacre em Manaus.

Veja a carta do PCC:

COMUNICADO DO COMANDO REGIONAL NORTE - PCC

"Diante dos fatos que aconteceram no dia 01/01/2017 em Manaus/Am o Alto Conselho do Primeiro Comando da Capital para região Norte vem a público mostrar a sua indignação e revolta diante da barbárie contra nossos 28 irmãos. Além disso aproveitar para expressar os sentimentos de pesar as Famílias de nossos irmãos.

Adiantamos que essa chacina jamais vai ser esquecida, os irmãos todos do Brasil inteiro e nossos parceiros em outros países estão se mobilizando para dar uma resposta à altura a essa facção auto denominado FDN, cujo reduto se concentra na Região Norte. Nossa Organização vai além de uma região, vai além do Brasil. Estamos em todos os lugares e no momento certo a resposta vai ser dada. Durante muito tempo tivemos uma convivência harmoniosa com nossos inimigos pois a nossa meta sempre foi lutar contra o Estado e não contra nossos irmãos mesmo que de outras Organizações fossem. Saibam que vcs declaram guerra não só ao PCC, mas a todos aqueles que lutam contra o Estado corrupto brasileiro. Estamos Fechado com a ADA, Bonde dos 40, até mesmo nosso rivais CVRL, CRBC, TCC, SS, CDL,TCP, PGC, SDC demonstraram apoio nesse momento.

Repetimos essa chacina foi uma declaração de guerra contra o Tráfico de Drogas de Todo o Brasil e de todas as Organizações e Facções parceiras. Um FACÇÃO sozinha não será capaz de destruir anos de Aliança de Irmãos. Essa Dita Facção FDN será dizimada da face da terra. Uma guerra silenciosa travada nos morros, nas periferias do Brasil, nas favelas do Nordeste e Norte ganharam as ruas.

Nossos 28 irmãos serão vingados, a mesma bandeira que desfraldaram com o sangue deles escrita FDN no dia 01/01 será queimada e terá cravada a cabeça de todos aqueles fizeram isso com o crime no Brasil.


Aos familiares dos nossos irmãos estamos prestando toda solidariedade e ajuda como sempre fizemos e comunicamos aos parceiros que toda ajuda financeira é bem vida nessa empreitada. Parte da indenização que nossos irmãos irão receber está sendo negociada com as famílias e com o alto comando, no entanto sabemos que não é suficiente. Contamos com a solidariedade e o apoio de todos os parceiros.

Paz, Justiça e Liberdade

PCC- Regional Norte.

A união vai prevalecer"

POR FERNANDO RIBEIRO

Com informações do Estadão

Média do Nordeste Polícia Militar do Ceará realiza operação Tolerância Zero em protesto contra Governo do Estado



Militares protestam contra os valores apresentados pelo governador Camilo Santana em projeto encaminhado à AL.


Policiais militares do Ceará aderiram no início da noite deste sábado (7) a tolerância zero em ações na capital e no interior. Com a decisão, os PMS em atividade não irão tolerar nenhum tipo de infração, e todos os envolvidos serão encaminhados para delegacias.

De acordo com o deputado federal Cabo Sabino (PR), o movimento legal é um protesto contra os valores anunciados pelo governador Camilo Santana, e encaminhados à Assembleia Legislativa, que estipula a média do Nordeste para os militares.

O anúncio foi feito pelo deputado federal Cabo Sabino, veja abaixo:
Entenda a noticia

No penúltimo dia de 2016 o governador Camilo Santana publicou em seu Facebook que enviou à Assembleia Legislativa a mensagem que institui a Média Salarial do Nordeste para a Polícia Militar e Corpo de Bombeiros. "Cumpro, assim, compromisso que assumi ainda em campanha", ressaltou o governador.



Mas, de acordo com os sindicatos que representam os militares e bombeiros, o valores definidos na mensagem do governador não condizem com a realidade da categoria.

"As entidades enviaram uma tabela e o governador ignorou, nunca deu resposta. Não existe negociação, não existe diálogo", ressalta Cabo Sabino.

L.A.

CNews 7

ACHADO MORTO EM HOTEL - Homem sai com amante e morre de ereção prolongada



Um homem de 30 anos morreu em um quarto de hotel nigeriano "de estresse por ereção prolongada" após ter tomado uma droga do sexo para se relacionar com a amante. Ele era casado e pai de três filhos.
Segundo relatórios o homem se chamava Samson e foi encontrado morto no quarto de um hotel no estado de Delta. As informações são do Daily Mail. Exames após a morte apontam que ele havia utilizado uma droga sem receita chamada Manpower, que supostamente tem efeitos semelhantes ao Viagra.
Tal situação traz muitos perigos e ele acabou sendo vítima de um deles, já que uma fonte afirmou que a causa da morte foi o "estresse por ereção prolongada". O homem morreu como resultado do "estresse da dureza consistente" de acordo com uma fonte ao site Punch. Segundo a fonte, ele cortejava a mulher, que fugiu após a tragédia, há três meses e, no bar do hotel ele contou seus planos de utilizar a droga para adquirir mais potência sexual. Médicos alertam que ingerir indevidamente este tipo de medicamento é muito perigoso. A prescrição médica é necessária para a utilização de tais remédios.